Ganhando dinheiro com dropshipping

Ganhando dinheiro com o sistema chamado dropshipping

Não são poucas as pessoas que me pergunta como ganhar dinheiro trabalhando na internet. Pensando nessas pessoas, resolvi falar um pouco de um sistema, até pouco tempo desconhecido, que continua atraindo milhares de curiosos pelo mundo cibernético.

Hoje me propus a falar um pouco deste sistema chamado dropshipping, mas afinal de contas o que é dropshipping?

Tipos de negócios possíveis de trabalhar com segurança e eficiência

Com um negócio voltado para venda, seus lucros dependerão da venda de mercadorias enviadas diretamente do seu fornecedor internacional para seu cliente. Seu sucesso neste trabalho será estabelecido pela diferença entre o preço pago ao fornecedor, e aquele no qual você resolveu determinar para a venda daquele produto. Você pode desempenhar seu negócio de várias maneiras. Entre elas, abrindo uma loja física, vendendo pela internet através do Mercado Livre, ou estão da forma que mais gosto, criando uma loja virtual.

Abrindo uma loja física

Para abrir uma loja física você precisará estar ciente de toda a legislação aplicada em seu território.

E nunca é demais lembrar que o sucesso de um negócio é fruto de um bom planejamento. E, ao abrir uma empresa é preciso estar com as finanças em dia para não levar nenhum susto, pois no inicio das atividades tudo tenderá a ser muito mais difícil. As pessoas são muito otimistas quando abrem o negócio e acham que já têm uma clientela formada, dificultando ainda mais este estágio de sua empresa.

Como importar para revender em uma loja física

Todos falam que importar roupas é muito fácil. Contudo, ninguém se habilita a explicar os detalhes deste trabalho. Dessa forma, deixo aqui o nome de um curso, que me surpreendeu pela qualidade e pela quantidade de material.

O nome deste curso é Academia do importador, o melhor curso para quem quer trabalhar com roupas importadas.

Como vender pelo Mercado livre

Já me deparei com várias pessoas falando que importam roupas para revender no Mercado Livre. Está certo que o Mercado Livre é um extraordinário site de negócios, mas infelizmente ele não é a utopia de negócio que estamos procurando. Falo dessa forma, pois nos não teremos 100% do controle de nosso negócio, e além do mais, acho aquelas taxas que o ML cobra, superfaturadas.

 Dando vida a sua loja virtual

Antes de mais nada, é de extrema importância aprendermos desde o básico até o nível mais avançado de como montar uma loja virtual, para tanto, indico o Importador Profissional, um super treinamento que vai te ensinar, tudo, mas tudo mesmo, sobre a loja virtual

Veja como é fácil saber se existe uma demanda para a loja virtual que você pretende montar:

    • Vá até o google;
    • Clique em “Pesquisa Avançada”
    • Entre com o nome do produto (peças de motos);
    • Filtre por “Menor Preço Primeiro”
    • Selecione “Apenas Listas Completas”
    • Clique em “Pesquisar”
    • Observe quais são os produtos mais vendidos

Estabeleça um limite para suas importações

Um limite plausível para começarmos com nossa loja virtual é aquele cujo qual nos sentimos confiantes, portanto, faça aquela velha pergunta, o que é preciso para me tornar um importador revendedor dos produtos dele, e confira se ele trabalha com o sistema de dropshipping.

Será necessário checar, também, se eles colocam etiquetas personalizadas com o nome da sua loja nos produtos, para que o cliente pense que é você quem está os enviando.

    • Não se surpreenda se o fornecedor que você contatar, solicitando uma conta de revenda, requisitar um número de CPF ou CNPJ. Para comprar produtos em atacado, muitos irão requisitar essas informações.

No mais veja este vídeo para descobrir como montar sua loja virtual

 Link do vídeo: Importador profissional

Para quem quer ser um super importador profissional veja acessando mais informações neste site: (http://sejaimportadorprofissional.com)

Como viajar mais, mesmo tendo pouco dinheiro

Muitos pensam que pelo fato de estarmos no início do ano, com várias contas para pagar, como o IPTU e o IPVA,  e também estarmos vivendo um tempo de uma crise financeira atrás da outra, não podemos viajar. Contudo, venho te falar que você pode sim viajar e viajar muito, basta fazer uma viagem com pouco dinheiro ou como prefiro falar, viajar barato.

Podemos nos deliciar sim com as melhores férias do mundo, isto a um preço realmente convidativo. Veja abaixo algumas dicas de ouro onde explicamos minuciosamente alguns segredos para sua viagem ser de baixo custo.

Dito isso, pegue um papel e uma caneta e anote nossas dicas para você viajar barato.

Primeira dica: Escolha a dedo o destino

Uma das dicas mais importantes que podemos te dar e para você viajar barato é saber escolher bem o destino de sua viagem, pois, como bem sabemos, os destinos mais populares são os que possuem os custos mais caros, e por isso, aconselhamos que você escolha aqueles destinos que, além de fascinantes, são também menos frequentados e por isso, mais baratos.

Além do que, os destinos mais badalados são também os mais visados por bandidos e onde aumentará demasiadamente seu custo com um bom Seguro Viagem Internacional.

Por outro lado, pelo fato dos outros destinos serem destinos pouco frequentados, não significa que não sejam lindos e atrativos. Portanto, procure bem, porque certamente você encontrará um que difere dos outros pela beleza do lugar e pela economia.

Segunda dica: época para viajar

Se você é como eu e tem um orçamento limitado, veja e pesquise bem uma data para sua viagem, pois algumas datas do ano são muito caras e você ficará a ver navios em sua viagem, pensando que está economizando quando na realidade está gastando mais que em outros locais.

Portanto, nossa dica é que você fixe-se em viajar fora de temporada, para poder viajar barato.

Terceira dica: viajar de que?

Ponha uma coisa em sua cabeça: Alguns transportes são assustadoramente mais caros do que outros, como por exemplo, o avião em comparação com o ônibus, portanto, tenha sempre em conta qual meio de transporte utilizar.

Quarta dica: Onde hospedar

Sua hospedagem influenciará diretamente em seu orçamento para sua viagem barata. Desta forma, aconselho que você compare preços, serviços, instalações e consulte promoções e ofertas. Lembrando que sempre existem outras opções de alojamento mais baratas, como por exemplo, as kitinetes, que apesar de serem pequenas, te dará um teto por um valor quase insignificante.

Quinta dica: Qual o tipo de férias você está querendo

Por último mas não menos importante que as outras dicas é o tipo de férias que você está planejando, pois dependendo de qual você escolher, você conseguirá economizar uma boa quantia de grana.

Veja abaixo algumas ideias para suas férias:

  • Turismo rural: A melhor e mais barata opção para umas férias realmente barata;
  • Turismo de aventura: Apesar de mais cara que o turismo rural, ainda sim apresenta bom preços e pode também ser escolhida como sendo uma viagem barata;
  • Turismo cultural: Este sem dúvida é o que demandará maior reserva financeira, pois será necessário uma boa verba para visitar os museus e igrejas clássicas, principalmente na Europa, onde é necessário inclusive observar o Espaço Schengen.

Veja este vídeo com mais dicas incríveis:

Agora irei chutar o pau da barraca mesmo e te falar que se você gostou das minhas dicas e quer realmente viajar barato sem gastar nenhum real sequer, aprenda com este artigo e faça como os mestres nesta arte de sempre viajar barato.

No mais, te desejo muito sucesso e muitas realizações.